Menu:


Ao Vivo

Links Úteis

Nossa Audiência


Estatísticas:

Total de visitas: 299076
Visitas hoje: 81


Chorão, vocalista da banda Charlie Brown Jr

Foi encontrado morto no final da madrugada desta quarta-feira (6),


Rádio Chorão, vocalista da banda Charlie Brown Jr, foi encontrado morto no final da madrugada desta quarta-feira (6), no apartamento onde morava em Pinheiros, na Zona Oeste de São Paulo. O músico, batizado de Alexandre Magno Abrão, completaria 43 anos em 9 de abril.

O corpo do cantor foi levado para o IML (Instituto Médico Legal) para fazer necropsia e o laudo deve sair em 30 dias. O velório será realizado na cidade de Santos, aberto ao público a partir das 20h.
Segundo o delegado Itagiba Franco, da Polícia Divisionária do Departamento de Homicídios, paramédicos encontraram o músico de bruços no chão da cozinha, com um das mãos machucadas e já sem vida, sozinho em casa. O apartamento que fica no oitavo andar estava revirado, sujo e havia vestígios de sangue.

Bebidas e pó branco também foram encontrados no local, mas o delegado não confirmou se era droga. "Vamos colocar isso no inquérito policial", disse. Trechos de um boletim de ocorrência divulgado pela TV Globo indicam que se tratava de "pequena quantidade de substância branca que aparenta ser cocaína".

Itagiba ainda falou à imprensa que é muito cedo para falar o que aconteceu. "Não vou descartar nada, mas aparentemente não se trata de homicídio. Ele parece ter se debatido, por isso o sangue na mão".

O delegado afirmou ainda que o motorista e o segurança do músico chamaram o Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) por volta das 4h30 desta quarta, mas não se sabe a hora da morte, já que Chorão não atendia a porta nem o telefone desde o meio-dia de terça-feira.

As investigações, que estavam com a Delegacia de Polícia, foram repassadas para o DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa).



A apresentadora de TV Sonia Abrão, prima do cantor, chegou ao prédio por volta das 8h desta quarta e disse que Chorão estava com problemas pessoais envolvendo o divórcio da mulher, a estilista Graziela Gonçalves.

O baixista da banda, Champignon, também foi até a casa de Chorão e, abatido, admitiu que tinha desavenças públicas com o cantor, mas que eles eram muito amigos, há 20 anos. Em setembro do ano passado, Chorão chegou a discutir com Champignon durante um show em Apucarana (PR), quando fez críticas sobre a então saída do músico do grupo, em 2005. Os dois fizeram as pazes dois dias depois.

Corpo deteriorado
O UOL teve acesso a imagens tiradas durante a perícia da Polícia feita na manhã desta quarta no apartamento de Chorão. O corpo do músico, que foi encontrado de bruços no chão da cozinha, estava cercado por lascas que aparentam ser parte do enchimento de um saco de pancadas de boxe.

A lateral do abdome do corpo apresentava hematomas, e metade do rosto estava deteriorada e coberta por sangue. O dedo mínimo da mão direita também aparentava estar quebrado. No balcão da cozinha, próximo ao corpo, havia uma pequena quantidade de pó branco em cima de um catálogo de filme pornô, ao lado de um canudo feito com uma folha de cheque.

FONTE: http://musica.uol.com.br/noticias/redacao/2013/03/06/chorao-do-charlie-brown-junior-e-encontrado-morto-em-sao-paulo.htm


Ver todas as notícias